sábado, 23 de setembro de 2017

XIX Retiro de Jovens e Adolescentes – Ilha Verde, Amazonas

“Faça a diferença, jovem!”
Esse ensinamento ecoou com clareza e amor durante os três dias que passamos ilhados, literalmente, no XIX Retiro de Jovens e Adolescentes. A sensibilidade dos líderes em observar a necessidade de falar desse tema foi importantíssima, escutando a necessidade da igreja de Deus. O versículo chave foi I Timóteo 4:12: “Ninguém despreze a tua mocidade; mas sê o exemplo dos fiéis, na palavra, no trato, no amor, no espírito, na fé, na pureza", e o tema do acampamento foi: #Fazendo_a_diferença.
Missionário Ademar, Missionária Rosangela e Mariza (na foto com as crianças), Pastor Ivon, Missionário Isaias, Irmão Ivanildo e sua esposa Ester, e coordenadores Valber e Josiane Abecassis (de cima para baixo, da esquerda para a direita)

Nos dias 30/06, 01 e 02/07/2017, sob a coordenação do diácono Valber Abecassis e sua esposa Josiane Abecassis, jovens e adolescentes se reuniram na Ilha Verde, que se localiza no Rio Uaicurapá, no Estado do Amazonas, onde chegaram por meio dos barcos Almirante Sicsú e Comandante Gondin. A viagem até a ilha já é de uma beleza impressionante: viajar escutando o barulho das águas e desfrutando da companhia dos irmãos, num mesmo espírito e sentimento. Para se ter ideia, valorosos irmãos preparavam o jantar já no caminho para a ilha. Não há nada mais precioso que servir uns aos outros, seja demonstrando amor com a atenção, seja pelo fazer algo prático.

Houve reunião na sexta à noite, no sábado, os 3 períodos, e no domingo, os 3 períodos. Os estudos ficaram a cargo da equipe missionária (Missionário Ademar, Pastor Ivon, Missionário Isaias, Missionária Rosangela e Mariza), diácono Valber Abecassis, e irmão Ivanildo, esposo da irmã Ester, da igreja do bairro Palmares, em Parintins. Registramos em sua mensagem evangelística, a seguinte frase: “Deus, Jesus Cristo e o Espírito Santo mudaram de endereço. Eles não estão mais no céu, agora eles moram dentro de você” (1º/07/2017). 

Um jovem se converteu e outros cinco se reconciliaram durante os dias de acampamento. Estes momentos ali tem sido uma porta para alcançar jovens e adolescentes com a mensagem da salvação por meio de Cristo Jesus.
Foram feitos devocionais em grupos, às 6:30h e às 13:30h. Cada um dos preletores dos estudos ficaram responsáveis por um grupo. Foram momentos incríveis, de oração, de meditação, de poder orar uns pelos outros, de demonstrar que, para ser diferente, você precisa orar, precisa entrar na presença do Senhor Deus, precisa meditar na Sua Palavra, para que saiba o que fazer e para que a alegria em agradar a Deus seja transbordante.
Neucyane e Karoline, da igreja do bairro Centro, em Parintins, ficaram responsáveis pelas brincadeiras bíblicas e de descontração.

Foi feita uma camiseta em lembrança do acampamento e presenteada aos preletores e a um grupo de irmãos chamado “Os Valentes do Valber”, que foi o diácono que acompanhou os irmãos que se voluntariam a ajudar a preparar a Ilha Verde para o acampamento.

Uma das atividades dos jovens foi a de compor uma música que tratasse sobre o tema do acampamento. Destacamos abaixo uma delas, feita pela igreja da comunidade Colônia Soares.
Música: Padrão dos fiéis
Comunidade Colônia Soares
Letra: Vilmar Kennedy Silva
Melodia: Tiago de Souza Freitas, Wender da Silva Soares e Rosemary de Souza Freitas

Não devemos viver de aparência,
Reflita e faça a diferença
Aplica-te à leitura e ao ensino
Pra fortalecer o teu coração, o teu coração

Ninguém despreze a tua mocidade
Nós conhecemos a verdade
Eu não vou desistir
Vou lutar pra conseguir
Ser padrão dos fiéis

Tenhas cuidado da doutrina,
Ela é a tua disciplina
Medita e confia no Senhor,
Que você crescerá na fé e no amor, na fé e no amor


Foi realizado batismo de dois jovens, Natanael Carvalho de Souza, 14 anos, do Andirá-Mirim, e Elcina Castro Melo, 16 anos, de Parintins. O pastor Ivon realizou o batismo, após o missionário Ademar trazer uma mensagem.
Na saída da Ilha Verde, todos fomos até à praia do Peixe Marinho, e como todos os anos, os barcos com os jovens atracaram na praia e todos entraram na água, e almoçamos ali frango assado preparado pelos irmãos.
Foram dias sensacionais, abençoados, de fato. Oremos para que a cada dia mais sejam levantados irmãos e recursos para melhorias naquele local, para proporcionar mais conforto, sem deixar de lado o aspecto simples e aconchegante proporcionado pela natureza ao redor, que tanto encanta nossos olhos e traz paz ao nosso coração. Nossa profunda gratidão a Deus por toda provisão, por esse lugar tão amado pelos irmãos (e agora entendo o porquê), pelo carinho do seu povo por nós que ali estivemos.
Já estamos fazendo a diferença! Sejamos luz por onde passarmos!

Até breve, Ilha Verde.

Mariza Resplandes

2 comentários:

Joab Nogueira disse...

Que está comunhão produza muitos frutos para a edificação do corpo de Cristo.

josiane abecassis disse...

Que lindo texto Mariza. Você conseguiu resumir a grandeza do que Deus realizou naquele local durante aqueles dias através da vida de vocês! Obrigada a equipe missionária e demais irmãos pelos ensinamentos e testemunhos.