Mãe 2017

Mãe 2017
Irmãs neotestamentárias em Rio dos Crentes, Poxoréu, MT

Mãe, eu sei que somos todos imperfeitos.
Qual é o ser humano que não é?
Aceitamos que apenas Deus seja perfeito,
Por sua própria graça e direito.
Mas quando olho para ti, mãe querida,
A única coisa que vejo em ti, como defeito,
É o de me amar acima de meu direito.
Eu quisera poder retribuir a ti,
Amor, em igual medida ao que me destes,
Mas como poderia eu medir
Para poder repetir, a ti,
O amor imensurável que me dedicastes?
Diante de minha impotência
Em fazer o mínimo a que você tem direito,
Peço de te o máximo de clemência
Para perdoar, dentre todos,
Mais esse meu grande defeito.
E nessa hora de reflexão
Sobre direitos,  malfeitos e perdão,
Peço a Deus que te abençoe...
Que eu não mais te magoe...
Que você me perdoe.
E o que mais eu peço agora,
Em uma oração jamais contida,
É que eu possa sempre te abraçar
Enquanto Deus a vida me dar,
Enquanto eu ter o direito à vida.


Izaias Resplandes
Florinda, Dioníza, Evaniza, Maria, Ana, Zulmira e Regina,
as filhas de Jorcelina (tias do autor). Santo Antônio do Leste, MT

E então é dia das mães!
Primavera do Leste, MT
Sempre nos preocupamos com o que vamos dizer às mães neste dia. E então fazemos poesias, fazemos prosas, fazemos músicas, fazemos tudo que achamos ser digno de fazer para homenagear nossas mães. E de fato temos que fazer isso mesmo, porque nossas mães são as pessoas mais importantes desse mundo. Elas foram criadas por Deus para serem assim.
A nossa relação com elas não é igual à relação que temos com outras pessoas. Desde o primeiro contato já é diferente. Quando a gente diz “mãe” ou “mamãe”, não existe nenhuma dúvida de que estamos falando da pessoa mais especial de todas. Ela é aquela que nos trouxe à luz do mundo, carregando-nos, muitas vezes em grande sofrimento, durante toda a gestação. É por isso que a Bíblia, além de classificar esse ato como sendo “a missão da mãe”, abre-lhe a possibilidade de sua preservação na criação exatamente por essa razão.
Vejamos duas versões sobre esse ponto, em 1 Tm 2:15:
Salvar-se-á, porém, dando à luz filhos, se permanecer com modéstia na fé, no amor e na santificação. 1 Timóteo 2:15.
Todavia, será preservada através de sua missão de mãe, se elas permanecerem em fé e amor e santificação, com bom senso.” (I Timóteo 2:15).
Além da missão de dar filhos à luz, a missão da mãe avança através de outras funções maternas, como a amamentação e a compaixão.
Mãe é aquela que dá de mamar ao seu filho nos próprios seios. E se você acha que isso é pouco, eu te digo que o próprio Deus Pai destacou esse ato como um grande presente do Criador. Quando Ele deu um filho a Sara e Abraão, Ele disse:

Quem diria a Abraão que Sara daria de mamar a filhos? Pois lhe dei um filho na sua velhice. Gn 2:17.

Deus poderia ter destacado qualquer parte da missão de mãe, mas ele destacou a amamentação, o dar de mamar aos filhos.
Barão de Melgaço
Quando a mãe dá de mamar ao seu filho ela está se doando para ele. O filho se alimenta da própria mãe. A gente acha meio esquisito quando Jesus fala que quem não comer a sua carne e beber o seu sangue, não tem parte com ele, ainda que a gente saiba que essa declaração é figurada, mas, é mais ou menos isso o que ocorre na amamentação; é como se o filho bebesse da própria mãe. A mãe é a própria alimentação do filho que ela deu à luz.
E isso é tão forte, que a própria mãe se sente especial por causa da madre e dos seios. Certa vez Jesus ensinava ao povo e então uma mulher se destacou dentre a multidão e lhe disse em alta voz:
Bem-aventurado o ventre que te trouxe e os peitos em que mamaste. Lucas 11:27.
Ainda que Jesus dissesse na ocasião que isso não era  mais importante do que ouvir e guardar a palavra de Deus, isso não significou que Ele estivesse desmerecendo a missão das mães. E tanto é assim que, em inspiração, Jesus faz esse destaque no ensinamento paulino.
Não há dúvidas sobre a importância desse ato materno. Quero crer que a amamentação seja um gesto de amor natural, de toda mãe para com o seu filho. Entendo que isso faça parte da essência da criação. Assim diz a Bíblia:

Até os chacais abaixam o peito, dão de mamar aos seus filhos; Lamentações 4:3a.

Por último, destacamos a compaixão.
O profeta Isaías destaca que uma mãe não pode se esquecer de seu filho, não pode ignorá-lo em sofrimento.
Em relação à criação, a mãe foi criada por Deus para criar, cuidar e compadecer. É por isso que ser mãe é especial. Ela foi criada para ser especial.

Porventura pode uma mulher esquecer-se tanto de seu filho que cria, que não se compadeça dele, do filho do seu ventre? Isaías 49:15.

E então é isso. Na relação entre mães e filhos, esses três aspectos são fundamentais. Criando o seu filho (dando a luz), carregando-o durante nove meses, a mãe desenvolve um apego ao mesmo que durará em toda a sua vida. Essa mãe sempre vai querer estar perto de seu filho, para proteger e cuidar dele, ajudando-o em suas dificuldades e em seus momentos de angustia.
Irmãs de Primavera do Leste, MT
Desejamos que todas as mães, sejam de nossas relações ou não, tenham um feliz dia das mães, bem como momentos muito marcantes e especiais com seus filhos neste dia das mães de 2017. Abraço a todas.

Comentários