terça-feira, 12 de fevereiro de 2013

Retiro Ano XXXI em Rio dos Crentes - Poxoréu - MT




Sob a Coordenação do Missionário Paulo César Moraes, o povo neotestamentário realizou em Rio dos Crentes o seu primeiro retiro de famílias deste Ano XXXI da presença neotestamentária em Rio dos Crentes, Poxoréu, MT. O evento contou com a participação de 340 pessoas, entre adultos, jovens, adolescentes e crianças, vindos de diversas partes do Estado do Brasil e também da Argentina.

Na abertura, dia 09/02/2013, o Secretário do Acampamento, Prof. Izaias Resplandes de Sousa, fez um breve relato da história de Rio dos Crentes.
Segundo noticiou, Poxoréu é o berço do trabalho neotestamentário em Mato Grosso. Foi neste município que a UMNT iniciou sua obra evangelizadora nesta parte do Brasil. 

A Neo de Rondonópolis foi a primeira Igreja organizada nessa área. E naquela época, Rondonópolis ainda era Distrito de Poxoréu. Já no começo dos trinta, o missionário Jonh Rees desenvolve o trabalho evangelístico na sede poxoreana, fundando aqui e primeira igreja evangélica, a qual mais tarde foi absorvida pelos presbiterianos do Brasil, encerrando a primeira fase da obra neotestamentária em Poxoréu,MT.
A segunda fase da obra neste município foi desencadeada nos anos oitenta, sob a liderança do irmão Manoel Francisco Paulo, presbítero da Neo de Rondonópolis, o qual atuou como verdadeiro missionário nesse Estado, fundando, entre outras as Igrejas Neotestamentárias de Cuiabá, Santo Antônio do Leste e Poxoréu.
Em 1983 tem início os Retiros no Acampamento Rio dos Crentes, em Poxoréu, MT, contando entre seus organizadores com o esforço dos irmãos Manoel Paulo, Isaías Almeida, Erasmo Mendes de Moraes, entre outros. 
Este ano de 2013 é o Ano XXXI da presença neotestamentária em Rio dos Crentes.
Os estudos para os jovens e adultos foram ministrados pelos missionários da UMNT Paulo César Moraes e sua esposa Marinalva (de Jaciara, MT), José Maria Iturriaga e sua esposa Liliana (de Posadas, Província de Missiones, Argentina), Ademar Soares de Lima e sua esposa Bete (de Tangará da Serra, MT), Zigomar Oliveira Silva e sua esposa Elaine (de Porto Alegre, RS).

 Lideranças regionais trouxeram estudos para as crianças e adolescentes. Destaque-se a participação das esposas dos pastores de Jaciara e Barão de Melgaço Ana Paula, Maria Raimunda, Maria do Carmo e Marluce que trabalharam junto das crianças. Lucimar, Carol, Ana Paula e Cléberson também trabalharam com as crianças. 

Já o trabalho com os adolescentes contou com o respaldo dos pastores Ivon, Honório e Roque, bem como dos irmãos Altamiro, Victor e Esther, Milca, missionária Elaine, Sandra Nonato e Maria José (Liça). Os jovens também foram atendidos pelo pastor Ivon Silva.
Dentre os estudos ministrados, destacamos os temas tratados pelos missionários nas classes adultas. 

José Maria Iturriaga abordou “A busca de lideranças”; Paulo César Moraes desenvolveu a “Avaliação da Vida através do relacionamento dos irmãos”; e Zigomar Oliveira Silva falou sobre o “Cuidado com as aparências”.



O PAPEL DO LÍDER

Esse foi o tema desenvolvido pelo missionário Iturriaga.
 
Segundo ele, o líder deve estimular as pessoas a prosseguir para alcançar os seus objetivos.
Ele deve proteger o seu grupo de liderados. É significativo que Jesus orou sobre Jerusalém e disse que por várias vezes ele quis ajuntar os seus filhos como a galinha ajunta os seus pintinhos debaixo de suas asas e eles não quiseram. Mas esse é um dos papéis do líder. O líder deve proteger inclusive fisicamente os seus liderados. As pessoas devem se sentir seguras diante de sua presença, não sentindo medo de nada, entendendo-se totalmente seguras.

Destaque-se que através da história Deus tem procurado líderes para conduzir o seu povo.
1 Sm 13:14 nos mostra Deus procurando outro líder para colocar no lugar de Saul
Is 6:8 – O Senhor pergunta a Isaías quem ele enviaria para guiar o povo.
Jr 5:1- O Senhor procura alguém
Ez 22:30 – O Senhor procura pelo menos um.

No entanto, o que se observa é que não há muitos dispostos a sacrificar o seu tempo, a sua comodidade e a sua vida por outras pessoas. Observa-se que também faltam lideranças nas congregações, mas não de forma absoluta, uma vez que existem alguns que estão de fato trabalhando. Mas em muitas congregações não têm nenhum líder. E assim voltamos ao tempo dos juízes, onde cada um fazia o que desejasse.

O Senhor procura lideranças para o seu povo. Para conduzi-lo em seu nome. Deus opera através de pessoas, pessoas espirituais. E o que nos mostra a Palavra, como por exemplo, At 13:22, onde se registra que o Senhor encontrou um homem segundo o seu coração e que estava disposto a fazer a sua vontade. Não é porque seria rei que faria o que quisesse. Por isso o Senhor busca pessoas espirituais, que estejam dispostas a obedecê-lo. Mc 10:35; 1 Tm 3:1;

O líder pode desejar a liderança, mas é de saber que a liderança é uma obra, é serviço... Os discípulos de Mc 10:35 estavam confusos quanto ao papel do líder e Jesus lhes ensina alguns princípios. O líder espiritual é diferente do líder do mundo. Estes são servidos, enquanto aqueles são destacados para servir aos demais.
Além disso, é Deus quem determina o papel de cada um dentro da Igreja. Todavia, há lideranças na Igreja e essas devem exercer o seu papel. E também os membros da igreja devem obedecer suas lideranças, se de fato querem obedecer a Deus.

É de observar ainda que nem todos os membros serão líderes, mas apenas aqueles que receberam esse dom de Deus. Cf. 1 Co 12:7, 18; Rm 12:6 e segs.
Em 1 Tm 3, a Bíblia aponta os requisitos para o ministério do pastor. A família é muito importante nesse ofício. Nenhum líder poderá exercer seu ministério sem o apoio da família.
Além disso, o líder deve saber que na sua condição terá que gastar seu tempo, trabalhar na solidão e muitas vezes ainda ser criticado.

São requisitos para os líderes, segundo a explanação de Iturriaga:
1. Que seja disciplinado: que tenha horário para fazer as coisas e que cumpre seus horários, que anote, que segue as normas estabelecidas, que não se desvia do seu propósito...
2. Que tenha visão, que veja mais adiante, que veja o que os demais não estejam vendo.
3. Que tenha iniciativa, que não fique esperando pelos outros, que pegue nos chifres do boi...
4. Gn 43:3. De decisões resolvidas, não vacilantes, sim sim, não não. Nm  2:17-18

4 comentários:

Victor Hugo disse...

Faltou Rondnópolis....

Zigomar disse...

Graças a Deus por esse maravilhoso retiro que Ele nos concedeu! Graças a Deus pelo tempo! Graças a Deus pela presença de todos os irmãos! Graças a Deus pelo suprimento e todo respaldo que nos deu! Graças a Deus pelo dom que Ele deu a este irmão escritor e fotógrafo que não perde um detalhe dos acontecimentos! Graças a Deus por tudo!
Abraços a todos!

Josiane disse...

Que maravilha!Deus é mesmo grandioso, que bom ver esses rostos novamente, quanta saudade de todos! que o Senhor tenha falado grandemente ao coração dos seus servos e que desse Retiro Espiritual venha a surgir muitos frutos para o Seu reino.

Isa2 e Rô disse...

Eta pega! Turma maravilha do Norte. Saudade!