segunda-feira, 14 de maio de 2012

Enfim casamos...

Enfim casamos... Agora podemos dizer o que está em Rute 1:16 “... porque aonde quer que tu fores irei eu, e onde quer que pousares, ali pousarei eu; o teu povo é o meu povo, o teu Deus é o meu Deus”. 
Perante a lei, no dia 13 de abril de 2012, realizamos o casamento civil unindo nossas vidas conforme ordena as Sagradas Escrituras.  No dia seguinte, 14 de abril, consolidamos a nossa união diante da família, igreja e os nossos amados convidados. Foi uma festa linda. A banda tocou as melhores músicas. A comida estava espetacular. Nossos pais estavam radiantes de felicidade, todos estavam felizes. A festa de casamento ocorreu tudo bem. Fomos honrados com a participação dos nossos pastores Antônio Júlio e Odenil Miranda, que oraram abençoando nosso casamento, bem como os missionários Paulo Moraes e Ademar Lima, que trouxeram duas mensagens para honra e glória do Senhor Jesus Cristo.
Como se não bastasse tudo isso, meu pai/sogro conduziu a noiva até o altar e ainda celebrou este tão sonhado casamento. Foi um momento único em nossas vidas.

Gostaríamos de agradecer a todos que de alguma forma colaboraram para a realização da nossa festa de casamento, bem como às Igrejas do Bosque da Saúde e Várzea Grande que contribuíram com suas orações. Porém queremos registrar um agradecimento muito especial e profundo à uma pessoa divinamente instruída por Deus, que foi fundamental para que tudo ocorresse bem, tanto na realização da festa quanto na construção da nossa casa.
Sim, mais uma vez o meu pai/sogro pediu sua licença do seu serviço para trabalhar na construção da nossa casa. Ivon Pereira da Silva, 55 anos, técnico em eletrônica e eletricidade, jornalista, radialista e acadêmico de Gestão Ambiental, com 40 anos de serviço público, Pastor da Igreja Neo Testamentária de Cuiabá e Várzea Grande. Durante 2 meses (1 licença e 1 de férias) o que parecia impossível foi alcançado com a benção de Deus, pois nesse prazo  construiu-se desde o alicerce até o acabamento da nossa casa.  Durante toda a obra não tendo um banheiro para as necessidades fisiológicas e nem onde se refugiar do sol, a casa foi sendo levantada, de segunda a sábado com jornada de trabalho de quase 11 horas por dia. De pedreiro a eletricista, soldador, técnico de segurança, engenheiro, arquiteto, ele foi tudo isso. Contou com a ajuda de 1 pedreiro “ Cássio”, que apareceu procurando emprego na véspera do retiro de família em fevereiro.
Para se ter uma idéia da dedicação e do compromisso dedicado por ele, durante a obra ocorreu um incidente: um homem que entrou no terreno para oferecer seus serviços de pedreiro, ao perceber o carro aberto roubou os documentos pessoais e cartões do nosso irmão enquanto ele trabalhava. O prejuízo financeiro foi mínimo, pois havia apenas 5,00 reais na carteira, porém o transtorno foi enorme, já que para se tirar um documento precisa-se do outro, e apesar da busca da guarda municipal, não foi possível recuperar os documentos roubados. Nem mesmo este enorme transtorno tirou a alegria ou modificou a dedicação ao serviço. A providência de novos documentos foram feitas nos horários de almoço, para que nada atrapalhasse a construção da casa, e em nenhum momento ouviu-se uma palavra de reclamação dos lábios do nosso irmão. Um exemplo maravilhoso de como se deve comportar um verdadeiro cristão.

Por tudo o que aconteceu, a sua dedicação, as palavras de apoio e incentivo e o excelente testemunho que demonstrava e demonstra, o nosso irmão ganhou o respeito de todos ao seu redor, desde o Cássio, que estava ali todos os dias ao seu lado, até os vizinhos que são incrédulos, todos admirados com seu caráter e personalidade, elogiando em todo o tempo a sua atitude.
Ao final, estava pronta uma linda casa de 60 m². Apesar da construção ter consumido a maior parte do seu tempo, isso jamais o impediu de desempenhar suas tarefas na Igreja como pastor-  nunca faltando a um culto sequer, exercendo o seu papel de ensinador e pregador da palavra, levantando-se todas as madrugadas para realizar o seu devocional- e na família, sempre cumprindo com suas obrigações, disponível a todo momento para ajudar.
O nosso muito obrigado pelo amor, dedicação e seu empenho em concretizar esse sonho que era a construção da nossa casa. Te amamos!







4 comentários:

Zigomar disse...

Esse homem de Deus é muito especial mesmo! Merece o respeito e admiração de todos nós! Parabéns irmão Ivon r que Deus continue te abençoando e Ele, com muita generosidade vai lhe retribuir. Parabéns ao Cleberson e Ana Paula. Deus abençoe muito o lar de vcs.
Abração.
Zigomar.

Isa2 e Rô disse...

Parabéns Cleberson e Ana Paula pelo lindo casamento. Parabéns Cleberson pelo sogro que tem. Parabéns Paula pelo pai que tem.
Eu tambem admiro muito este Pastor, pai, técnico em eletrônica e eletricidade, jornalista, radialista, acadêmico de Gestão Ambiental e Pastor da Igreja Neo Testamentária de Cuiabá e Várzea Grande. Ele tem outras virtudes, mas faltam folhas. isa2

Carla disse...

Parabéns ao casal,muitas felicidades,que Deus abençoe o seu lar.Quanto ao Pr. Ivon ele merece toda a nossa admiração e reconhecimento.

Prof. Izaias Resplandes disse...

Parabéns ao Cléberson e Ana Carla pelo casamento. Grande passo. Grande decisão. A família Resplandes, de Poxoréu, deseja a vocês muitas felicidades, filhos, harmonia e tudo o mais que um casal precisa ter. Parabéns ao Pr. Ivon pela realização de mais esse projeto de pai e pastor. Abraços resplandecentes a todos.